E-mail: Senha:     Recuperar Senha
 
 
O que oferecemos


Sobre a Alia


Biblioteca


Fale Conosco


Biblioteca
»
Notícias e artigos
08/09/2011 - A era das Redes Sociais: como usá-las ao seu favor?

 

Desde que chegaram ao Brasil, às redes sociais, como Twitter, Facebook e Orkut têm causado um verdadeiro “frisson” entre os mais jovens. Mas o que era utilizado somente no ambiente pessoal, para fazer amigos e se conectar com eles, passou a ter relevância também na vida profissional de qualquer pessoa. Isso porque as empresas passaram a enxergar e a utilizar a ferramenta como importante fonte de divulgação e de consulta. Tanto na hora de contratar quanto na hora de saber qual profissional manter ou promover.
Pesquisa realizada pela Robert Half, empresa de recrutamento especializado, revelou que segundo 44% dos recrutadores brasileiros, veem que os aspectos negativos nas redes sociais seriam suficientes para desclassificar um candidato no processo de seleção.
Porém, é muito importante fazer parte delas. Isso demonstra que o profissional está conectado com a atualidade. Agora, é preciso ter bom-senso. Ou seja, tomar o cuidado de não participar de comunidades ou expressar opiniões exacerbadas, falar mal de um líder político ou religioso.
Porque as redes sociais podem acabar com o seu emprego
Iniciar a sessão no Twitter depois de uma discussão com o chefe, ou escrever no mural do Facebook um desabafo depois de um dia de trabalho pouco reconfortante podem ser decisões fatais. Um Twitter ácido contra um superior, ou outro no qual se critiquem as condições de trabalho, pode representar uma sanção ou a demissão. Nunca fale mal de pessoas ou da empresa em que atua, independente das pessoas falarem ou não o nome da organização é sempre bom prestar atenção no que está sendo dito. Afinal é bem provável que tenham conhecidos, amigos ou até mesmo colegas de trabalho participando da sua rede.
Na hora de buscar uma vaga no mercado de trabalho, tenha cuidado de não colocar fotos com poses sensuais, é mais interessante de viagens ou momentos em família. Na hora de expressar opiniões, evite discussões que aludam à discriminação, fale de coisas que lhe interessam, interagindo com os contatos e proporcionando troca de informações. Você realmente não precisa contar todos os seus passos diarios nas redes sociais.
Como as redes sociais podem lhe ajudar a arrumar um emprego
É natural que o Orkut, rede social mais usada no país, seja o grande agregador de vagas na web nacional. Nas comunidades de vagas gerais, algumas com mais de 40 mil membros, as ofertas mais comuns são de operador de telemarketing, representante comercial, recepcionista ou motoboy. Já comunidades específicas de categorias profissionais costumam ter ofertas melhores. O mesmo vale para o Facebook.
Já o Twitter, por ser rápida e simples de usar, a ferramenta vem sendo rapidamente adotada por diversas empresas para se comunicar com seus clientes e com possíveis candidatos. A disponibilidade de trabalho na rede não é rara e existem até mesmo perfis criados unicamente com a intenção de se anunciar empregos.
Os blogs servem como marketing pessoal, onde você pode escrever sobre suas habilidades e dar opiniões interessantes. Aproveite para falar assuntos relacionados à sua área de atuação, mas cuide com a ortografia.
Além das tradicionais, existem redes sociais com foco em carreira, confira as principais:
-Linkedin: Tudo dentro do Linkedin é relacionado a trabalho. Diferentemente de outras redes sociais, você não pode adicionar um contato sem que ele conheça você. É preciso utilizar seus colegas para fazer apresentações e conseguir conversar com o profissional desejado.
Eacademy: A página tem o objetivo de conectar profissionais, permitir que seus usuários anunciem seus serviços e promover encontros e eventos. Clubes, ou comunidades, estão disponíveis para agrupar os profissionais por afinidade e até promover discussões sobre novas técnicas e tendências do mercado.
Indica: O indica é uma iniciativa nacional que também visa ligar profissionais. A principal diferença que uma boa parte do serviço dentro da rede é feita pelos “indicadores”, pessoas responsáveis por apontar os profissionais que as empresas estão procurando.
-Plaxo: é o mais parecido de todos com uma rede social comum. A diferença é que ele também é utilizado pelos usuários para divulgar dados profissionais. Na área de carreira, é possível fazer ligações com outros profissionais e publicar o currículo. Também há uma ferramenta para compartilhar ofertas de emprego.
            Estamos na era da informação rápida e acessivel, onde as redes sociais são cada vez mais utilizadas, compartilhando opiniões e notícias. Mas deve-se lembrar que é público, seu chefe ou futuro chefe, pode estar de olho. A partir disso, você pode utilizar essa ferramenta para se promover, mostrar suas habilidades e interesses. Que tal ter um blog onde possa escrever sobre sua área de atuação, novidades do mercado e compartilhar com todos, inclusive em outras redes?
 
http://g1.globo.com/Noticias/Concursos_Empregos
 





Voltar

 
© 2017 Alia Gestão. Todos os direitos reservados.